Curso tecnólogo em radiologia: Saiba tudo sobre

Quando você precisa fazer exames médicos que se utilizam o diagnóstico por imagens ou mesmo radiográficos, mais conhecidos como Raio-X, deve ter observado que sempre há um profissional que lhe acompanha, instruindo sobre como proceder para que o exame seja bem sucedido. Embora muitos não saibam, este profissional precisa ter conhecimentos específicos e uma formação acadêmica. Para atuar na área, uma clínica, por exemplo,  precisa ter pelo menos um tecnólogo em radiologia. Vamos mostrar aqui como estão os salários, as vagas e o mercado de trabalho para estes profissionais.

Mas, afinal, o que faz um tecnólogo em radiologia?

Ao atuar na área de diagnóstico por imagem, como na maioria dos procedimentos médicos, os exames oferecem alguns riscos, que precisam ser controlados pela presença de um tecnólogo em radiologia. Ele será responsável por:

  • Orientar o paciente para que este fique na posição adequada;

  • Operar os equipamentos;

  • Aplicar as medidas indicadas e que garantam proteção à radiação;

  • Avaliar as imagens obtidas;

  • Manipular as imagens obtidas.

A responsabilidade dos tecnólogos em radiologia é grande. Com base nos exames coordenados por eles, os médicos tomam decisão de tratamentos e concluem o diagnóstico. Ou seja, é preciso ser bastante concentrado, pois, qualquer erro pode ter impacto direto na vida dos pacientes.

Radiologia: como está o mercado de trabalho?

Em geral, quando se fala em tecnólogos em radiologia, logo se pensa em um profissional que atua na área da saúde. Mas você sabia que existem outras áreas que demandam por profissionais com a formação de tecnólogos em radiologia?

No mercado de trabalho da área da saúde, os tecnólogos em radiologia atuam desde o diagnóstico por imagem mais convencional até os mais tecnológicos. Entre eles, estão tomografia, mamografia e Raio-X, por exemplo. Com isso, há disponibilidade de vagas em hospitais, ambulatórios, clínicas odontológicas, clínicas especializadas em diagnóstico por imagem e laboratórios.

Ainda na área da saúde, é possível o tecnólogo em radiologia atuar em atividades como a gestão e coordenação de equipes, pesquisa e docência.

Mercado de trabalho para o tecnólogo em radiologia está em expansão

Hoje em dia, o profissional especializado em radiologia industrial estará apto a realizar procedimentos e laudos e exercer atividades voltadas à proteção radiológica.

Como é a remuneração dos tecnólogos em radiologia?

Em média, os profissionais tecnólogos em radiologia no Brasil têm salários variando de R$ 2102,38 a R$15 mil, de acordo com o Sinttaresp – Sindicato dos Tecnólogos, Técnicos e Auxiliares em Radiologia no Estado de São Paulo. Claro que isso varia bastante de acordo com a demanda X o número de profissionais disponíveis em cada região e também do piso salarial estabelecido em cada uma delas.

Em 2016, uma pesquisa feita pelo Conselho Nacional de Técnicos em Radiologia (Conter) mostrou que, nos estados da região Sul e Sudeste, o piso salarial destes profissionais costuma ser o dobro do salário mínimo do estado, sendo o Paraná estado com valor mais alto de piso salarial, R$ 2.653,20. Valor que, somado ao salário mínimo por insalubridade, chegava a uma remuneração mensal de R$ 3.714,48. Na radiologia industrial, os salários podem chegar até 15 mil reais.

Em algumas instituições, esse profissional é remunerado por hora, isso porque o Conter determina uma carga horária máxima para profissionais que atuam diretamente expostos à radiação ionizante.

O que estuda um profissional de radiologia?

O profissional de radiologia, além do gosto pelas ciências biológicas, já que grande parte da atuação está na área da saúde, também precisa ter afinidade com as ciências exatas em matérias como química, física e matemática. Além disso, é preciso gostar de pesquisar, pois, a área exige constante atualização.

No curso de Tecnologia em Radiologia, as disciplinas mais comuns são:

  • Anatomia;
  • Física;
  • Fundamentos de enfermagem;
  • Primeiro socorros;
  • Tomografia;
  • Imaginologia;
  • Gestão dos equipamentos radiológicos;
  • Mamografia;
  • Radioterapia;
  • Psicologia.

Para se formar como tecnólogo em radiologia, é preciso fazer um estágio curricular para colocar em prática o conhecimento obtido no curso. Esse é um momento bastante importante, não somente para a conclusão do curso, mas para que o tecnólogo em radiologia possa decidir em que ramo de atuação pretende seguir.

Existem riscos para o profissional de radiologia?

Você já deve ter reparado, ao fazer um Raio-X, que são muitas as orientações para evitar que você se exponha à radiação por mais tempo do que é aconselhável, de forma a não prejudicar a sua saúde. Então, você deve estar se perguntando quais os riscos para quem trabalha nesta área.

Assim como para os pacientes, para os profissionais que atuam na área o que importa é o tempo de exposição à radiação ionizante. Por isso, a Lei nº 7.394/85 determina a jornada de trabalho destes profissionais seja de, no máximo, 24 horas semanais. Embora, nem sempre essa legislação seja aplicada, é importante que você a conheça, lembrando sempre que, tanto o risco, quanto a carga horária máxima são voltados apenas para as técnicas radiológicas expostas à radiação ionizante.

De acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), as atividades que expõe o trabalhador à radiação devem prever um adicional de insalubridade ou periculosidade ao profissional, ficando ao seu critério definir qual prefere receber. Pela legislação, o adicional de insalubridade é de 40% sobre o salário base da categoria. No caso da periculosidade, o adicional é de 30%, porém, aplicado sobre a remuneração do profissional em radiologia e não sobre a base da categoria.

Formação no curso de Tecnologia em Radiologia garante várias oportunidades de trabalho

Ao concluir um curso de Tecnologia em Radiologia, você passa a ter uma formação de nível superior na área. Além de ser de curta duração, o curso de Tecnologia em Radiologia é mais direcionado à prática da profissão e, por isso, tem menos matérias de cunho teórico aprofundado.

Então, embora a formação seja mais longa – em média, são 3 anos de curso -, o tecnólogo em radiologia terá mais oportunidades de trabalho, seja atuando com técnicas e exames mais avançados, em cargos de supervisão, na docência ou, ainda, em pesquisas.

Nos concursos públicos, você poderá se candidatar a vagas de ensino superior. Além disso, poderá cursar uma especialização após terminar o curso, o que irá acrescentar melhoria em seu currículo e também aumento na sua remuneração como tecnólogo em radiologia.

 

Se você se interessou pelo curso de Tecnologia em Radiologia, confira a matriz curricular do curso de tecnologia em radiologia e faça sua matrícula agora mesmo.

Promoção Acelera com a Famesp - Ganhe uma moto

INÍCIO EM AGOSTO
INVESTIMENTO: Clique no período desejado para visualizar os valores.

+MANHÃ - 08h às 11h30

PERÍODO DA MANHà– 08h às 11h30

Mensalidade de R$ 349,00*

Desconto na matrícula somente esta semana. Confira! 
*Valor da Mensalidade com desconto para pagamentos até o dia 08 de cada mês.

+TARDE - 14h às 17h30

PERÍODO DA TARDE – 14h às 17h30

Mensalidade de R$ 329,00*

Desconto na matrícula somente esta semana. Confira!  
*Valor da Mensalidade com desconto para pagamentos até o dia 08 de cada mês.

+NOITE - 19h às 22h30

PERÍODO DA NOITE – 19h às 22h30

Mensalidade de R$ 369,00*

Desconto na matrícula somente esta semana. Confira! 
*Valor da Mensalidade com desconto para pagamentos até o dia 08 de cada mês.

+MATRIZ CURRICULAR

TÉCNICO EM RADIOLOGIA1600h
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
Anatomia Humana, Radiológica e Fisiologia Humana I – 80h
Anatomia Humana, Radiológica e Fisiologia Humana II – 80h
Física Aplicada – 80h
Física Radiológica, Proteção e Higiene – 80h
Fundamentos de Enfermagem e Primeiros Socorros – 40h
Gestão e Eletrônica Radiológica – 40h
Imaginologia e Tomografia – 80h
Língua Portuguesa – 40h
Mamografia e Densitometria Óssea – 80h
Patologia Aplicada – 80h
Procedimentos de Enfermagem – 40h
Psicologia e Ética – 40h
Radiologia Médica Digital – 40h
Radioterapia, Medicina Nuclear e Ressonância Magnética – 80h
Técnicas Radiológicas I – 160h
Técnicas Radiológicas II e Exames Contrastados – 160h
ESTÁGIO SUPERVISIONADO – 400h

+DOCUMENTOS PARA A MATRÍCULA

A matrícula deverá ser realizada na Secretaria da MÉTODO. Apresentar cópia autenticada ou simples com apresentação do documento original:
– Certificado de conclusão do curso de Ensino Médio e Histórico Escolar
– RG ( Cédula de identidade )
– CPF Cadastro Nacional de Pessoa Física (CIC)
– Título de eleitor
– Prova de quitação com o serviço militar para maiores de 18 anos, se do sexo masculino
– Certidão de nascimento ou casamento
– Comprovante de residência com CEP
– Duas fotos 3×4 recentes e iguais

MATRÍCULAS 2017.2 - INÍCIO EM AGOSTO
INVESTIMENTO: Clique no período desejado para visualizar os valores.

+MANHÃ - 08h às 11h30

PERÍODO DA MANHà– 08h às 11h30

Mensalidade de R$ 349,00*

Desconto na matrícula somente esta semana. Confira! 
*Valor da Mensalidade com desconto para pagamentos até o dia 08 de cada mês.

+TARDE - 14h às 17h30

PERÍODO DA TARDE – 14h às 17h30

Mensalidade de R$ 329,00*

Desconto na matrícula somente esta semana. Confira! 
*Valor da Mensalidade com desconto para pagamentos até o dia 08 de cada mês.

+NOITE - 19h às 22h30

PERÍODO DA NOITE – 19h às 22h30

Mensalidade de R$ 369,00*

 

Desconto na matrícula somente esta semana. Confira! 

*Valor da Mensalidade com desconto para pagamentos até o dia 08 de cada mês.

Comente e faça sua pergunta

Comentários

comentários